Projeto Espaço Cidadão forma mais de 50 alunos na baixada fluminense

Projeto Espaço Cidadão forma mais de 50 alunos na baixada fluminense

 

Ganhamos novos conhecimentos. Aprender é muito importante”. São com essas palavras que João Feitosa, morador de Belford Roxo, município do Rio de Janeiro, agradece por ter participado do Espaço Cidadão, um dos projetos próprios do Instituto da Criança. No dia 14 de maio, a iniciativa formou três turmas em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania de Belford Roxo – SEMASC. Com isso, 54 alunos do Projeto Social Futuro Brilhante e CRAS Santa Tereza foram beneficiados. Além do certificado de conclusão de curso, foi realizado um sorteio de duas mochilas para os alunos formados. Já os 12 instrutores voluntários do projeto receberam os certificados pela atuação.

A cerimônia de formatura contou com a participação dos formandos do projeto, seus familiares, instrutores, Instituto da Criança e representantes da SEMASC, entre eles, o Secretário de Assistência Social e Cidadania, Diogo Bastos. O projeto atua em áreas de situação de risco social e tem mostrado que é possível melhorar a qualidade de vida de várias famílias. “Hoje, estamos formando mais três turmas de moradores do bairro de Santa Teresa e jovens do Projeto Social Futuro Brilhante. É sem dúvida um trabalho muito interessante, pois agrega valor e conhecimento”, conclui Diogo.

Por meio de uma solenidade descontraída, que contou com apresentação cultural ao som de violão do orientador social Fausto Barroso, os alunos cantaram diversas canções de Tim Maia, Zeca Pagodinho e Beth Carvalho, enquanto aguardavam para receber o certificado. Kauã Victor da Silva Fidelis, de 15 anos, aluno do 9º ano do Ensino Fundamental, estava entusiasmado com o momento. “Adorei todas as palestras e adquiri muito conhecimento”, destaca.

Há 15 anos, o Espaço Cidadão já atendeu cerca de 16.000 adultos, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Por meio de encontros semanais, o projeto trata de temas, como cidadania, educação financeira, empreendedorismo e empregabilidade, eu e a Comunidade, família e Convivência, meio ambiente, planejamento familiar e sexualidade, além de saúde e bem-estar.

Instituto da Criança capacita instrutores para o Projeto Espaço Cidadão

Instituto da Criança capacita instrutores para o Projeto Espaço Cidadão

Uma semana de muitas atividades no Espaço Cidadão, projeto educacional desenvolvido pelo Instituto da Criança – IC. Duas capacitações de instrutores foram realizadas. A primeira, no dia 15 de abril, em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social de Mesquita, município do Rio de Janeiro que, neste ano, retomou a parceria iniciada em 2017 para a realização do projeto nos cinco Centros de Referência de Assistência Social – CRAS – do seu município que ficam localizados nos seguintes bairros: Banco de Areia, Rocha Sobrinho, Santa Terezinha, Chatuba e Juscelino.

Já a segunda, realizada no dia 18 de abril, em parceria com a  General Electric – GE, a maior empresa Digital Industrial do mundo, dedicada a transformar a indústria com máquinas e soluções conectadas a softwares que garantem previsibilidade e respostas rápidas. A parceria foi firmada com o programa de voluntariado da unidade da empresa GE Celma, localizada em Petrópolis, região serrana do Rio de Janeiro. Por meio desta parceria, os colaboradores da empresa serão instrutores no Espaço Cidadão, beneficiando cerca de 80 alunos da Escola Municipal Santa Maria Goretti.

Ambas capacitações tiveram como objetivo orientar os colaboradores da secretaria e da empresa que, na primeira quinzena de maio, serão responsáveis pela transmissão dos conteúdos teóricos e práticos do projeto.

Há 15 anos, o Espaço Cidadão já atendeu cerca de 16.000 adultos, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Por meio de encontros semanais, o projeto trata de temas, como cidadania, educação financeira, empreendedorismo e empregabilidade, eu e a comunidade, família e convivência, meio ambiente, planejamento familiar e sexualidade, além de saúde e bem-estar.

Projeto Espaço Cidadão inicia as atividades em 2019

Projeto Espaço Cidadão inicia as atividades em 2019

Em parceria com a Prefeitura de Belford Roxo, município do Rio de Janeiro, o Instituto da Criança – IC, junto à Secretaria de Assistência Social e Cidadania, realizaram uma capacitação com cerca de 20 coordenadores dos equipamentos da Assistência Social a fim de mostrar toda a metodologia do projeto Espaço Cidadão, que está presente no município há três anos. O curso foi dividido em dois encontros: no Previde e no Centro de Especialidades Odontológicas da Prata.

No primeiro ano, as atividades do Espaço Cidadão foram elaboradas dentro dos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS e no segundo ano, nas instituições da rede. Em 2019, a ideia é realizar as atividades tanto no CRAS, quanto nas instituições. Vale destacar que, em 2018, 830 pessoas, entre adolescentes, adultos e idosos, se formaram pela iniciativa.

De acordo com a secretária de Assistência Social e Cidadania, Rosana Moura, o objetivo da capacitação é que os coordenadores, junto com suas equipes de cada equipamento, multipliquem informações, através de abordagens estratégicas. “Muitas pessoas não sabem o que é ou para que serve os CRAS e os CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social. Esse projeto é uma maneira de informá-los sobre os serviços prestados”, conclui.

Já a coordenadora do CRAS Santa Marta, Daniela Farias, ficou muito contente com a capacitação e diz que aprender nunca é demais: “Sempre que há capacitações, eu participo. Estou começando esse ano no projeto e minha expectativa está muito grande, pois os encontros tratam de temas cotidianos e nós, como instrutores, nos tornamos agentes multiplicadores. Ainda temos a possibilidade de aprender com as famílias ao contarem suas experiências”, afirma.

Para este ano, o Instituto da Criança tem como meta formar 1.000 pessoas no projeto. Há 15 anos, o Espaço Cidadão já atendeu 15.830 jovens e adultos em situação de vulnerabilidade social, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Por meio de encontros semanais, o projeto trata de temas relativos à cidadania e relacionamento interpessoal.

Projeto Espaço Cidadão forma mais de 800 jovens e adultos no estado do Rio de Janeiro em 2018

Projeto Espaço Cidadão forma mais de 800 jovens e adultos no estado do Rio de Janeiro em 2018

Em dezembro, houve 10 cerimônias de formatura do Espaço Cidadão, projeto educacional desenvolvido pelo Instituto da Criança – IC. Só em 2018, a iniciativa beneficiou 830 jovens e adultos em situação de risco social – o que representa 61% a mais comparado à 2017. Assim, o ano foi concluído com a realização de 44 turmas do projeto, totalizando 436 aulas aplicadas e 202 instrutores voluntários participantes em 23 instituições do estado do Rio de Janeiro.

A formatura das últimas 2 turmas de 2018, por exemplo, foi realizada no dia 18 de dezembro, na empresa Artexpress – parceira voluntária do IC – que ofereceu o projeto para seus colaboradores.

As parcerias foram realizadas com as seguintes instituições: Instituto Chrisan, Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania de Belford Roxo – SEMASC, Instituto Casa Viva, Comissão Municipal de Atuação Comunitária – COMAC, Associação das Mulheres Guerreiras – AMUGUE, Escola Municipal Waldomiro José, Associação Vida no Crescimento e na Solidariedade – AVICRES, Instituto Trilho, Casa de Fraternidade Francisco de Assis, Ong Mão Amiga, Igreja Projeto Ceifa Universal, Artexpress, Associação dos Amigos do Jardim Botânico – AAJB, Associação Espaço Educativo São Charbel, APAE de Petrópolis, Projeto Craque do Amanhã e Centro Comunitário Irmãos Kennedy.

Há 15 anos, o Espaço Cidadão já atendeu 15.830 jovens e adultos, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Por meio de encontros semanais, o projeto trata de temas, como cidadania, educação financeira, empreendedorismo e empregabilidade, eu e a comunidade, família e convivência, meio ambiente, planejamento familiar e sexualidade, além de saúde e bem-estar.

Na foto: Associação Espaço Educativo São Charbel, em Petrópolis/RJ, alunos mostram seus certificados de conclusão.